Igreja Nossa Senhora da Conceição

NOTA ARTÍSTICA

O edifício atual é fruto de uma construção do século XX.

Séc. XVII/XX

Autor: s/n

NOTA HISTÓRICA

A atual igreja matriz não corresponde ao primitivo edifício, mas sim, fruto de uma reformulação executada nos meados do século XX.

Contudo, temos algumas notícias da história em torno deste edifício. Apesar da realização de obras que foram executadas, por volta 1694, a igreja tem uma fundação medieval.

Conforme relata a memoria paroquial, a igreja é vigaria da Ordem de Cristo, é composta por três altares, um maior, um do Bom Jesus, e outro de Nossa Senhora do Rosário, conforme relata o Padre António Carvalho da Costa.

A atual construção é obra de uma reformulação dos meados do século XX.

Referências Bibliográficas:

ANTUNES, António Rodrigues, Subsídios para a Monografia da Zebreira: Terra da Raia, Estudos Arqueológicos, Históricos e Etnográficos, Zebreira, 1987;

HORMIGO, José Joaquim M., Plantas de Povoações da Beira Baixa (séc. XVIII), Lisboa, 1980;

SALVADO, António, Elementos para um Inventário Artístico do Distrito de Castelo Branco, Castelo Branco,1976

http://www.monumentos.gov.pt/Site/APP_PagesUser/SIPA.aspx?id=17944

Referências Documentais:

ANTT, Memórias paroquiais, vol. 41, nº (Z) 6, p. 2233 a 2236